Oi gente, vocês viram no post das comprinhas que fiz na Beauty Fair que comprei uma esponjinha meio que “milagrosa”, a Sponge Drop da Klass Vough, pois então, de cara eu não tinha gostado dela, mas como prometido vim testar melhor para ter certeza antes de falar.

Ela é a versão mais em conta do tão falado Beautyblender, usado pelos melhores maquiadores do mundo, a forma de aplicação de ambas são iguais, também prometem praticamente a mesma coisa:

Esta revolucionária esponja em formato de gota foi especialmente desenvolvida para aplicação homogênea e com acabamento profissional de base, corretivo, pó e blush. Com ela você pode misturar cores criando efeitos de degradê sutis, além de alcançar um acabamento perfeito! Use o formato redondo para cobrir áreas maiores e a forma afunilada para alcançar ângulos e contornos, como abaixo dos olhos e perto do nariz.

Eu nunca testei o Beautyblender, mas vamos ver o que a Sponge nos trás. Você pode utilizar das seguintes maneiras:

  1.  Você pode deixar ela embebida em água e depois retirar o excesso com a mão mesmo, deixando-a úmida e mais leve para a aplicação da base, que pode ser feita dando batidinhas no rosto ou espalhando normalmente, pode ser usado em blush em creme também.
  2. Pode usá-la também para tirar o excesso de maquiagem do rosto, deixando um aspecto mais natural, onde é preciso apenas dar leves batidinhas no rosto com a esponja úmida depois de espalhar a base com um pincel.

Primeiro não reparem minha cara, ta uma belezaaaaaaaa, haha eu tinha acabado de acordar, outra coisa minha pele está um pouco oleosa, pois eu não tinha passado nada para controlar a oleosidade e também não passei pó para não influenciar no teste.

A número 1 foi feita o teste espalhando a base com a própria sponge úmida, a número 2 foi espalhada a base com pincel e depois retirado o excesso dando leve batidinhas com a sponge , a número 3 foi passada a base apenas com pincel para comparação.

Na minha opinião para quem tem uma base muito pesada e por causa disso não gosta de usá-la durante o dia a aplicação com a sponge (número 1) é uma ótima saída, pois ele deixa bem natural dando apenas uma uniformizada, entretanto sem cobrir as imperfeições mais profundas, então para quem tem pele muito manchada não serve e se prepare para gastar muitooo produto, pois a sponge absorve a base.

Quanto ao acabamento feito com sponge (número 2) eu gostei, principalmente por ele retirar apenas o excesso do produto, onde não tem excesso ele não retira nada, pela foto deu para perceber que a pele ficou melhor, mais próxima do minha cor natural, sem ficar mascarada.

Eu não fiquei maravilhada com o resultado porque se eu for comparar com o acabamento feito com o pincel Kabuki (que é o que costumo usar), a sponge perde disparado, acho que a original Beautyblender é bem melhor que a Sponge Drop, mas só saberei depois de testar e ela já está na minha wishlist. Aguardem! :-)

A base passada com pincel (número 3) sem acabamento deixa a pele muito carregada, portanto é muito importante tirar o excesso de base antes de passar o pó, e isso não deve ser feita com a mão, pois nossa mão retira toda a base do rosto ao invés de espalhar.

Acho que meu erro no 1º teste com a sponge, foi que eu passei a base com pincel e na hora de tirar o excesso eu apertei a esponja no rosto, ao invés de dar apenas leves batidinhas e a mesma ainda estava com um pouco de água, onde o certo seria tirar todo o excesso de água e deixá-la úmida, aí quando eu apertava no rosto escorria água e tirava um pouco da base… Noosssaaaa uma lambança só! KkKkKkK

Mas agora fiz direitinho e consegui ver seu efeito, espero que tenham gostado… BJOOOOO

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Thaiane Lopes

linkedin